segunda-feira, 19 de outubro de 2009

O universo de Miguel 13

Atrás de mim caminha um ser que não sei se é real. Será um duende que cresceu e se transformou num homem de negócios. Acelero o passo e sinto o coração palpitante. Começo a correr e então decido: Quero correr uma maratona. Vou começar a treinar. Organização e planeamento serão os meus trunfos. E nunca desistirei pois tenho o duende de negócios atrás de mim. Correr nunca foi problema. A principal questão é não parar. É não desistir. O corpo aguenta sempre, quem falha é a mente. O corpo como matéria que é indefenidamente divisivel em pedaços que nos fazem chegar ao fim. E até porque a maratona são só 40km. Já a mente por ser imaterial, esgotasse se não tiver preparada. Por isso vou dedicar 60% do meu treino à minha mente. Porque só assim conseguirei superar os meus limites. Basta correr. Não é nada de mais. Até porque quando chegar ao fim o homem duende já foi trabalhar. É esse o problema deles. Tem sempre que trabalhar e não conseguem acabar as maratonas. São demasiado. São só(mente).

1 comentário:

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.